Artigos

The Congos

Cedric Myton, founder member of - The Congos

Cedric Myton nasceu na pequena ilha da Jamaica. Desde muito cedo que sabia o caminho que iria seguir na vida - a música. Aos dezasseis anos de idade gravou a primeira canção com o grupo The Tartans, "Dance All Night" chegou a número um nas charts da música Jamaicana. Em 1975 Cedric e Lincoln Thompson formaram o mediático grupo Royal Rasses, o longa duração "Humanity" e o consequente single com o mesmo nome, ainda hoje em dia é relembrado como uma das mais consagradas canções da história da música. Um ano depois formou um dos grupos Roots mais aclamados de sempre - The Congos. Eram constituídos na formação original por, Cedric Myton, Watty Burnett Lindberg "Preps" Lewis e Roydel Johnson. Em colaboração com o génio Lee "Scratch" Perry saíu em 1977 o LP "Heart Of The Congos", um disco simplesmente brilhante a todos os níveis, um dos longa durações mais bem conseguidos da história da música. Um ano depois Roydell Johnson deixou o grupo. "Congo Ashanti" segundo disco do grupo foi promovido extensivamente na Europa pela label CBS (Francesa). The Congos e Toots & The Maytals surgiram juntos no filme "Image Of Àfrica. Nesse mesmo ano saíria o terceiro registo do grupo, alusivo ao filme. "Face The Music" saíu em 1981, o projecto mais sólido do grupo depois de "Heart Of The Congos", bem harmonizado, solenememte tocado, mais um clássico. Ao longo da segunda metade da década de oitenta e ainda hoje, este grupo reside e actua regularmente nos Estados Unidos. "Natty Dread Rise Again" para a RAS Records, marcou o regresso do grupo depois de quinze anos afastados dos estúdios, nesse mesmo ano a label britânica Blood & Fire brindou os The Congos fãns de todo o mundo, com o relançamento em dois compact disc, de "Heart Of The Congos", para além da excelente qualidade de som ainda lhe acrescentou quatro bónus, "Row Fisherman Row" e "Congoman", versões 12' single, cedidas pela Island Records e duas versões Dub. Dois anos depois surgiu "Reggae Revival" para a VP Records, um projecto que marcou uma nova etapa na longa história, para além da nova edição também foram (re)lançados em compact disc pela mesma label a maior parte do catálogo do grupo. No ano passado foi lançado o primeiro registo ao vivo com a A-Team band, e este ano "Lion Treasure", uma retrospectiva da exímia longa jornada deste grupo musical jamaicano. Paralelamente, Cedric Myton trabalhou ao longo destes anos com os grupos English Beat, General Public e os bem conhecidos Fine Young Cannibals.